terça-feira, 17 de novembro de 2015

Sistema adaptado por engenheiro brasileiro transforma esgoto em água residual limpa

A técnica utiliza a filtragem e as raízes de plantas para acabar com as contaminações de riachos, córregos e alagados
O engenheiro ambiental brasileiro Jonas Rodrigo dos Santos adaptou um sistema natural para tratamento de esgotos em áreas rurais, que é capaz de devolver aos mananciais uma água residual limpa.

A técnica, já utilizada em outros países, utiliza a filtragem e as raízes de plantas para acabar com as contaminações de riachos, córregos e alagados. O sistema testado em Capanema, no Paraná, já demonstra resultados positivos, o que culminou em um prêmio conferido pela Agência Nacional de Águas (ANA).

Anteriormente despejados em uma fossa, os esgotos domésticos e dejetos animais de uma criação de 12 porcos agora são direcionados para uma pequena central de tratamento natural. São cinco as fases de limpeza desse processo: Fossa séptica; Tanque de zona de raízes; Filtro de pedras grossas; Filtro de pedra britada; Filtro de pedrisco; e Carvão ativado.

As plantas utilizadas foram taiobas e bananeiras, que aproveitam tanto os líquidos como a matéria orgânica ainda em suspensão.


Nenhum comentário:

Postar um comentário