quinta-feira, 19 de maio de 2011

Sacolas plásticas: A uma canetada de serem banidas


Depois de refugar no ano passado, finalmente o câmara municipal de São Paulo aprovou o projeto que põe fim as sacolas plásticas nos supermercados.

Com 35 votos favoráveis, 5 contrários e 12 abstenções, o projeto elaborado por Roberto Tripoli (PV –SP) só depende da canetada do Sr. Gilberto Kassab para se tornar uma realidade.

Alguns pontos legais valem a pena ser ressaltados, o primeiro é a punição para quem infringir a nova medida (Caso o projeto se já aprovado, os supermercados tem até o final do ano para aderir ao novo modelo) que varia de R$ 50 a R$ 50 milhões. 

A alternativa que deverá ser estabelecida para os supermercados é a utilização de um “plástico verde” na confecção das sacolas, que deverão custar R$ 0,19 cada para o consumidor.

Além disso, separei também uma matéria do CQC sobre o tema:  



Nenhum comentário:

Postar um comentário