quarta-feira, 23 de março de 2011

Japoneses: Não desistem nunca


Aquele bordão atual “sou brasileiro e não desisto nunca” pode estar com os dias contados. Se nós que moramos em um paraíso em meio a catástrofes e conflitos étnicos ou religiosos por todo o mundo não desistimos nunca, o que dizer então dos japoneses? Povo sofrido, assim como os brasileiros, só que com um diferencial, nunca tivemos uma bomba atômica em nossas cabeças. Se nós não desistimos, o que diremos deles. Além disso, eles sempre tiveram de conviver com problemas naturais, como os terremotos.

Resultado, nos últimos cinqüenta anos, nós não desistimos e chegamos à oitava economia do mundo. Embora ainda não tenhamos chegado no “primeiro mundo". Já eles, neste tempo, reconstruíram o país, que tinha sido arrasado também moralmente e até cinco anos atrás era a segunda maior economia do planeta.

Mais uma vez eles mostraram ao mundo o quanto são persistentes. Um terremoto de magnitude nove, um tsunami de proporções absurdas e a expectativa de um grande vazamento nuclear, falta de energia e suprimentos arrasaram o país em menos de dez dias. O caos estava instaurado.

Eis que hoje, a energia elétrica já fora restabelecida, já há um plano de prevenção para possíveis contágios do vazamento nuclear e os estragos já foram contabilizados, para que tudo seja devidamente reconstruído. Só para se ter uma ideia, o desastre aqui da região Serrana do Rio de Janeiro, que aconteceu bem antes e eu aposto que o Japão será reconstruído bem antes.

Sabe por quê? Aquele povo é como o nosso, "não desiste nunca", mas também não espera nada cair do céu. Eles agem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário